Início » Uncategorized » Carapicuíba: 6 vereadores vão para oposição à Sergio Ribeiro

Carapicuíba: 6 vereadores vão para oposição à Sergio Ribeiro

Isac Reis

A Câmara de Carapicuíba vivenciou nesta quarta-feira, 18/08 o que pode ser o final das boas relações entre o legislativo e o executivo. Com o abandono da sessão por seis vereadores, entre eles o líder do governo, vereador Wandeley (PSC) pode estar sendo criando o bloco de oposição que deve exigir manobras políticas para a governabilidade o prefeito Sergio Ribeiro da Silva (PT).

De posse de uma carta, e para surpresa de todos, inclusive do presidente da casa, vereador Isac Reis (PT) o então lider do governo surpreendeu ao informar sua  saída. Alegando falta de prestigio por parte do prefeito e dos secretários municipais, Wanderley fez um discurso inflamado, cheio de sentimentos e de ameaças. Ele chegou a dizer que o prefeito não teve uma postura adequada ao desrespeita-lo e não atendê-lo em  certas ocasiões “homem tem que ser homem” disse ele, deixando claro que sua liderança não foi reconhecida.

O parlamentar disse quase aos prantos que a partir de agora muitos irão ouvir a verdade,  e que não tem medo de represarias por parte do governo ou de algum secretario municipal. “não tenho medo podem me perseguir”,  esbravejou. Wanderley relevou que sua saída também se deve ao fato do vereador Fabio Leite (PT) ter feito manobras para retirá-lo da liderança. Ele também relevou que no governo há um antro de fofocas e que parte do secretariado sempre ignorou sua condição de líder, e por isso deixa o cargo e que a partir de agora irá caminhar com as próprias pernas.

O presidente da Câmara, vereador Isac Reis (PT) usou a tribuna e também em um discurso inflamado disse estar perplexo com a atitude dos vereadores “fizeram um desserviço ao povo de Carapicuíba” reclamou. A postura dos parlamentares lembra a época do governo anterior, onde aconteciam fatos semelhantes de rebeldia “Se algum deles achou que teria esquema quebrou a cara”,  disse.

Isac, que tem dois mandatos na casa, e conhece bem as manobras, pois já esteve na oposição, disse que todos iniciaram seus mandatos há pouco mais de 7 meses “Somos todos debutantes, isso é covardia” reclamou ele. Isac disse ainda que a postura dos vereadores dará margem para retaliações, mas acredita que o problema deve ser resolvido pelo prefeito com uma reunião com os vereadores rebeldes.

O presidente disse ainda que irá cortar o ponto dos que abandonaram a sessão, que são eles os vereadores Wandeley, Selmo Bodão, Serginho da Sabesp, Waltinho, Joel Gama e Salvador. Segundo Isac ambos pediram “Questão de Ordem”, mas seus pedidos não foram votados pelos demais vereadores, o que para ele é e é um desrespeito aos demais vereadores e população que veio a câmara assistir aos trabalhos.  

Ao ser questionado sobre que será o  próximo líder do governo,  Isac disse que há nomes interessantes como o de Fabio Leite, Abraão Junior e até mesmo Tantinho que tem experiência já que tem 3 mandatos, mas ele próprio apoiará o nome indicado, seja ele qual for.  Para o presidente hoje os ânimos estão acirrados, mas amanhã certamente haverá algum entendimento “o problema é do Sergio e amanhã eles se acertam”,  finalizou.

Abandonaram a sessão juntamente com Wanderley, os vereadores  Selmo Bodão, Serginho da Sabesp, Waltinho, Joel Gama e Salvador.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: