Início » Política » Vereador Gê deixa Partido dos Trabalhadores

Vereador Gê deixa Partido dos Trabalhadores

 

Após quase trinta anos como filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT), e no quinto mandato a frente da Câmara Municipal de Jandira, o vereador Geraldo Teotônio da Silva, Gê, deixa as fileiras do PT.  Com sua saida, que deve ser oficializada ainda neste mês, abre-se um novo momento na politica jandirense, já que Gê é uma liderança inconstestavel e preparado para alçar novos voos.

Agora livre das amarras políticas que o impediriam de disputar a cadeira de prefeito em outras oportunidades, o vereador poderá somar-se a outras forças políticas da cidade e de fato candidatar-se a prefeito, com chances reais de sucesso.

Com o fato terrivel da morte do prefeito Braz Paschoalin, abriu-se um vacuo politico e a cidade pode mudar seu rumo, acreditando em candidaturas alternativas como a do próprio Gê, que já há anos se prepara para o seu maior desafio: disputar a eleição para prefeito.

Segundo a assessoria do vereador, Gê já teria sido convido por 5 partidos políticos para filiar-se e ser o seu candidato a prefeito. Ainda segundo a assessoria, Gê ainda aguarda algumas conversas para então escolher onde ficara seu futuro político, já o prazo máximo para filiação partidária termina em setembro e até lá muitas conversas devem acontecer.

 

LEIA CARTA DO VEREADOR A POPULAÇÃO JANDIRENSE


Caros amigos, creio que todos conhecem a conturbada relação do vereador Gê com o Partido dos Trabalhadores em Jandira.
Desde 2008 Gê vem enfrentando uma terrível perseguição política praticada por pessoas que pressupõe-se que deveriam ser os seus amigos (membros da alta cúpula do PT jandirense). Estas perseguições foram praticadas através de acusações infundadas que foram inventadas com o único intuito de desmoralizar e enfraquecer a pessoa do vereador Gê.
Na época Gê chegou à ser expulso do PT sob a acusação de favorecer a aprovação das contas do ex prefeito Braz Paschoalin mas esta acusação não foi sequer minimamente comprovada e o diretório municipal do partido foi obrigado a retroceder mediante a pressão popular.
Quando analisamos o caso a fundo, fica claro que Gê não só não favoreceu o ex prefeito, como também, empenhou-se em evitar tamanha injustiça.
O que de fato ocorreu foi:

O Tribunal de Contas da união emitiu parecer contrário à aprovação das contas de Braz Paschoalin, impugnando-o de exercer novamente o mandato de prefeito. Inconformado com a situação, Braz recorreu à câmara solicitando dela que se descartasse o parecer do Tribunal (esta é uma atitude lícita desde que haja uma motivação aplausível para tal descarte e a aprovação de pelo menos dois terços dos vereadores).  Gê (presidente da câmara na época) não considerou consistente a motivação apresentada pela defesa de Braz, então não convocou a sessão que a votaria. Contudo, esta sessão foi convocada pela maioria da mesa diretora (sem a aprovação de Gê).

No dia da votação Gê posicionou-se contrário ao descarte deste parecer e fez questão de salientar as lambanças cometidas por Braz e sua equipe, mas Paschoalin tinha uma grande maioria ao seu lado, e o descarte do parecer foi inevitável.

À partir deste momento houve por parte de vereadores e diretores do PT jandirense uma estratégia injusta e inescrupulosa de desqualificar Gê para tentar  impedi-lo de concorrer ao cargo de prefeito (visto que este cargo era almejado por outros petistas e Gê mostrava-se forte concorrente). Foi então que começaram as mais desleais manobras, que chegaram ao ápice com a expulsão de Gê do partido.

Mesmo com todas estas perseguições, Gê insistiu em permanecer no partido, pois considerava muito a sua história junto a ele e tinha muitos companheiros em âmbitos extra-municipais.


Após quase três anos esta história volta à tona e novamente tentam a cassação do vereador Gê com as mesmas acusações infundadas que outrora foram utilizadas e novamente o partido se omite a defender o colega injustiçado. 

Desta vez tentaram camuflar esta perseguição publicando falsas notícias e utilizando uma denunciante aparentemente fora da diretoria do partido, apesar de representada pela mesma advogada que antes representou o vereador Zezinho com a mesma acusação.

Chegaram ao ponto de espalhar na mídia que Gê era alvo de investigação do GAECO (Grupo que investiga o crime organizado) e que seu sigilo bancário seria quebrado.
Já faz muito tempo que Gê tenta uma conciliação com o partido que insiste em difamá-lo. Assim sendo, no ultimo dia oito de dezembro, Gê anunciou à bancada do PT e ao presidente municipal (Julinho) seu desligamento do partido fazendo assim sua emancipação partidária na mesma data em que Jandira comemora sua emancipação política.
Quanto as falsas investigações do GAECO, Gê espontaneamente autorizou a quebra de seu sigilo fiscal, bancário e telefônico, mas recebeu do promotor responsável pelas investigações de corrupção em Jandira, a resposta de que ele não era alvo de nenhuma investigação.

Leia mais   www.vereadorge.blogspot.com

Anúncios

2 Comentários

  1. leojakas disse:

    JANDIRA 29/09/2011 RESPEITOSAMENTE DIRIJO-ME A SILVANA . UTILIZE ESTE ESPAÇO E NOS RESPONDA QUAL FOI SUA RESPOSTA EM RELAÇÃO A PERGUNTA NO SISTEMA ELETRÔNICO POIS SOL AINDA COMPANHEIRO DE NOBRE SEU AMIGO E TENHO GOSTO EM SABER QUAL A RESPOSTA O BRIGADO VOCÊ ME ENCONTRA COM MAIOR FACILIDADE NO BLO. O BATENTE. DE MIGUEL MORTAGO EM JANDIRA COMO SANDRA LÇOUCA OU MEU ESPOSO MARIOYAGOI ESPERAREI A RESPOSTA UM ABRAÇO SANDRA LOUCA LOUCA MESMO……

  2. SILVANA disse:

    BOA NOITE
    SR GÊ

    RESPEITOSAMENTE ESTOU ESCREVENDO A TI, ESPERO QEU COMPREEENDA A MINHA INDIGNAÇÃO.
    PROCURO UM EMPREGO NA PREFEITURA DE JANDIRA, PRESTEI CONCURSO, NÃO PASSEI.
    MAS SEI QUE TEM EMPREGOS POR CONTRATOS, PERGUNTO PARA UM E PARA OUTRO NINGUEM SABE E É DIRETO PESSOAS ENTRANDO.
    COM TODO RESPEITO E ÉTICA, TEM UMA PROFISSIONAL DE VOSSO PARTIDO QUE PROMETEU ME CHAMAR,FALEI PARA ELA QUE ESTOU PROCURANDO EMPREGO, ELA FALO QAUNDO SURJIR TE AVISO. SEIQ UE NÃO SE PODE CONFIAR QUEM PROMETE, JAS QUE É CONEHCIDA DAI PENSSEI QUEM SABE.
    UNS TRES MESES APÓS TER ENCONTRADO COM ESSA PESSOA, ELA VEIO TODA SORRIDENTE E ME FALO QUE ARRUMOU PARA OUTRA PESSOA TRABALHAR EM JANDIRA POR CONTRATO, A PESSOA NEM MORA AQUI.
    FIQUEI CHATEADA, NÃO QUERO PREJUDICAR, SERA QUE PELO MENOS O SENHOR PODERIA ME DAR UMA OPORTUNIDADE.
    SEI QUE O SR TEM UMA ÓTIMA REPUTAÇÃO E É QUERIDO POR MUITA JENTE.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: